Acontece no IDS

A única coisa fixa é a mudança

O que estamos a viver é único! Mas não foi sempre assim? Andamos estes dias um pouco ao sabor do vento, do vento das informações que vemos na televisão, tentando ser criteriosos na decisão de em que acreditar, do vento das opiniões das pessoas que amamos tentando não ofender ninguém com a nossa própria opinião, do vento das alterações de humor que o tempo meteorológico nos impõe que tanto chove torrencialmente, como dois minutos depois está um sol radiante, que vamos à janela “respirar” o sol como um golfinho que vem à tona de água buscar o ar, e nesse instante recomeça a chover.

IDSA única coisa fixa é a mudança
ler mais

Rotinas de estudo em época de Covid-19

A importância de sobrevivermos a esta pandemia convoca-nos para que nos mantenhamos em isolamento social e que busquemos forças para a resistência e resiliência que existe em cada um de nós.

IDSRotinas de estudo em época de Covid-19
ler mais

Máscaras do Tempo

Afinal tudo o que estava marcado podia esperar, não tinha que ser mesmo naquele dia. Aquele prazo não é assim tão imperioso, parece que é possível adiar quinze dias, mais quinze dias, um mês, o verão! Mas talvez seja melhor marcar para ano, talvez seja mais seguro. Ou então, não se marca nada por enquanto, se calhar não há essa necessidade. Se calhar não é assim tão importante. Se calhar não somos assim tão importantes.

IDSMáscaras do Tempo
ler mais

Uma viagem com uma Animadora Sociocultural

Em pequena queria ser…

Lembro-me de querer ser veterinária até que percebi que isso envolvia contactar com o sofrimento dos animais diariamente e não tinha a certeza se estaria preparada para tal. Entretanto trabalhei 8 anos na área da Animação Sociocultural.

IDSUma viagem com uma Animadora Sociocultural
ler mais

Numa bolha

À noite, o mesmo silêncio que torna o sono mais profundo e descansado. De manhã, as árvores de fruto anunciam uma Primavera chuvosa, e as flores querem mostrar-se, assim que o Sol o permitir. A flor de laranjeira deixa o seu cheiro perfumado no jardim, a trepadeira lança a sua flor por entre a caniçada do alpendre. Que bonita é esta estação aqui na aldeia.

IDSNuma bolha
ler mais